O exercício do poder de regulação no mercado de valores mobiliários enquanto mecanismo de protecção do investidor

Neste ensaio iremos analisar de que modo a regulação pode funcionar como um mecanismo concreto de protecção do investidor e, para o efeito, trataremos das questões ligadas ao processo regulatório. Antes, mergulhamos na história
para daí retira as premissas da regulação financeira para caracterizar o conceito e os objectivos da regulação. Após abordagem conceitual, discutimos o papel do Estado na actual constituição angolana e sobre os desafios da regulação no mercado de valores mobiliários em Angola.

 

Descarregue o PDF e leia o artigo na integra.

Conhecimento

Por defeito, este site usa cookies.
Estes cookies destinam-se a optimizar a sua experiência de navegação neste site.

Saiba Mais